MESQUITA - Policiais militares do GAT (Grupamento de Ações Táticas) do 20º BPM (Mesquita) prenderam um homem de posse de uma quantia de drogas. Segundo informações do sargento J. Couto, cabo Rocha do DPO da Chatuba e outros PMs do APTRAN 1, quando realizavam patrulhamento de rotina pela Rua Almirante Batista das Neves, próximo ao número 92, na comunidade Chatuba, em Mesquita, avistaram Matheus Barros Rufino, de 18 anos, sobre uma moto.

Ao realizar a revista de rotina, os PMs encontraram um tablete de maconha de R$ 25, e outras cinco trouxinhas também de maconha. Ainda segundo os PMs, a moto estava em situação legal, porém com documentação atrasada. A mesma foi levada para o depósito público e o acusado para a 53ª DP (Mesquita), onde responderá por tráfico de drogas.



Via Jornal Hora H
30/01/2015
MESQUITA - A Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense está investigando a morte de um ex-jogador de futebol assassinado em Mesquita, na baixada. A morte teria sido encomendada por criminosos, que pediam R$ 50 mil pela cabeça do rapaz.

VEJA O VÍDEO




Via R7
30/01/2015
MESQUITA - Mesquita participou nesta quinta-feira, dia 29, de reunião entre representantes das secretarias de Defesa Civil da Baixada Fluminense. O evento aconteceu no 4º Grupamento do Corpo de Bombeiros, em Nova Iguaçu, e teve como objetivo prosseguir com o planejamento em conjunto de ações estratégicas para o ano de 2015.

O diretor de ensino e instrução da secretaria de Meio Ambiente e Defesa Civil de Mesquita, Marlon Araújo, ressaltou a importância do encontro. “A integração entre as prefeituras estimula a troca de experiências entre os municípios e fortalece as ações de Defesa Civil”, disse.

Mesquita já possui um Plano de Contingência contra as catástrofes naturais. As ações de prevenção às chuvas desenvolvidas pelo município serão realizadas em atendimento à campanha Construindo Cidades Resilientes, da Estratégia Internacional para a Redução de Desastre da ONU. Limpeza dos rios e instalação de pluviômetros em pontos estratégicos estão entre as atividades desenvolvidas.



Via PMM
30/01/2015
MESQUITA - A secretaria de Educação, Cultura, Esporte, Lazer e Turismo realizou nesta quinta-feira, 29 de janeiro, a primeira reunião de 2015 entre a equipe pedagógica e gestores da rede municipal de ensino. O encontro aconteceu na Escola Municipal Rotariano Arthur Silva, no Centro, e contou com a participação de dezenas de profissionais da área. O ano letivo começa no próximo dia 3 de fevereiro.

A atividade teve como objetivos principais apresentar a nova estrutura, o tema a ser trabalhado neste ano, “Rio de Memórias”, em alusão aos 450 anos da cidade do Rio de Janeiro, consolidação do currículo, orientações pedagógicas, discussão sobre a Educação de Jovens e Adultos (EJA) e a Jornada Ampliada. “Será um ano de muito trabalho, pois novas secretarias foram agregadas, mas com muito empenho e dedicação. Nossos alunos merecem”, disse o secretário Rodrigo Rodrigues.

Entre as novidades propostas para 2015 estão o aumento da jornada dos alunos de Ensino Fundamental, seguindo uma das metas do recém-aprovado Plano Nacional de Educação, instituído pela Lei no 13.005/2014, que virá através do Programa Jornada Escolar Completa. O programa atenderá todos os alunos do quinto ao nono ano do Ensino Fundamental da rede totalizando, aproximadamente, dois mil alunos que passarão a cumprir sete horas diárias, equivalente a 35 semanais.

Duas novas creches, nos bairros de Cosmorama e Coreia, devem ser inauguradas. Também foram feitas solicitações ao Ministério da Educação, por meio do Projeto Proinfância, para a construção de cinco novas unidades escolares em bairros cuja criminalidade apresenta índices significativos. As unidades serão construídas nos bairros Rocha Sobrinho, Maria Cristina, Chatuba, Coréia e Jacutinga.

Ainda neste semestre, também serão inaugurados dois espaços culturais: a Casa do Saber, destinado à formação continuada para servidores da rede municipal, e o Centro Cultural Mister Watkins, que abrigará ações culturais e educacionais. Para avançar nos indicadores do Ideb, a estratégia são as formações continuadas promovidas pela secretaria de Educação em parceria com universidades e especialistas do meio acadêmico, que serão impulsionadas com a implantação do currículo escolar.


Via PMM
30/01/2015
MESQUITA - A secretaria de Governo, através da coordenadoria de política para mulheres, esteve presente na apresentação da nova subsecretária de Políticas para Mulheres do Governo do Estado do Rio de Janeiro, Marisa Chaves. A cerimônia aconteceu na sede do Conselho Estadual do Direito da Mulher (CEDIM). O encontro contou com a presença de diversas gestoras públicas de diferentes municípios que possuem órgãos específicos para promoção das políticas para mulheres. O encontro também discutiu as agendas das coordenadorias municipais para o mês de março, em que é comemorado o Dia Internacional da Mulher.

A coordenadora de Política para Mulheres de Mesquita, Glaucia Costa, esteve presente no encontro representando o município. O objetivo foi estreitar o diálogo e buscar parcerias no Estado para potencializar as ações em Mesquita. A coordenadora do Centro Especializado de Atendimento às Mulheres (CEAM), Tânia de Almeida, também acompanhou a discussão e ressaltou a importância da parceria com a subsecretaria, que futuramente virá até a cidade para visitar as instalações da CEAM e conhecer de perto as ações da coordenadoria.

“É fundamental a parceria entre o estado e o município para que possamos aperfeiçoar e potencializar as agendas voltadas as mulheres de Mesquita, a luta contra a violência e a garantia de direitos. Tenho certeza que será muito produtivo para nosso município”, afirmou Glaucia.


Via PMM
30/01/2015
MESQUITA - Moradores das comunidades ocupadas em Mesquita afirmaram que têm visto pessoas estranhas na região e revelaram estar com medo.

— Temos muito medo que bandidos do Chapadão venham para cá. São informações que tenho acompanhado nas redes sociais. Os que são daqui já desrespeitam a gente, imagina os que vêm de fora? — comentou um morador da Coreia, que preferiu não se identificar.

No Alto Uruguai, um morador revelou que tem visto pessoas de fora da região circulando armadas.

Na Coreia, pichações como “Vai morrer milícia” estão espalhadas pelos muros. Segundo a polícia, há duas semanas, Barriga teria atacado um traficante da Chatuba, conhecido como Sementinha, que conseguiu fugir.


Via Jornal Extra
Caderno Mais Baixada
30/01/2015
MESQUITA - A Polícia Militar ocupou ontem, por tempo indeterminado, quatro comunidades em Mesquita. O reforço acontece após dois confrontos entre milicianos e traficantes nas últimas três semanas, que deixaram um morto e nove feridos em Edson Passos e no Alto Uruguai. Segundo a PM, enquanto bandidos tentam formar um complexo do tráfico na Chatuba, no Alto Uruguai, na Coreia e no Morro da Caixa D’ água, já na divisa com Nova Iguaçu, grupos de milicianos tentam barrar o projeto.

O último confronto, no domingo, acirrou a disputa entre as quadrilhas. Na ocasião, o suposto miliciano Alessandro da Silva, o Barriga, foi executado por pelo menos dez homens fortemente armados, no Alto Uruguai. O local do crime, na Rua Caimiri, onde outras quatro pessoas ficaram feridas, está sendo usado como base da ocupação da Polícia Militar.

— Desde domingo, muitas denúncias têm chegado ao batalhão. Todas dando conta de que bandidos de fora, principalmente do Chapadão (em Costa Barros, no Rio) tentam ocupar as comunidades. Decidimos permanecer nelas 24 horas por dia — diz o tenente-coronel Marcus Vinícius dos Santos Amaral, comandante do 20 BPM (Mesquita).

Na manhã de ontem, o comandante fez um mapeamento da região. Veículos, casas abandonadas e moradores foram revistados durante a operação, mas ninguém foi preso.



Via Jornal Extra
Por Bernado Costa
Caderno Mais Baixada
30/01/2015
O vice-prefeito Waltinho Paixão confirma o atraso do salário
MESQUITA - Funcionários da Prefeitura de Mesquita ainda estão sofrendo com o atraso do salário. Até ontem, muitos não haviam recebido o pagamento de dezembro e nem o 13º. De acordo com os servidores, que pediram para não se identificar com medo de represálias, o problema se arrasta desde novembro.

— Nunca atrasou tanto como nos últimos meses. Já estamos no fim de janeiro e nada do salário na conta. Preciso comprar remédios e não tenho dinheiro — disse um auxiliar de serviços gerais.

Adversário político do prefeito Gelsinho Guerreiro, o vice-prefeito Waltinho Paixão confirma o atraso. Ele disse que, nos últimos meses, vem sendo procurado por servidores em dificuldades financeiras:

— Quem trabalha não pode ficar sem salário. O meu não está atrasado e nem o dos secretários.

Outros servidores garantem que a prefeitura começou a conter os gastos após as eleições do ano passado e que muitos funcionários foram demitidos.

— No dia 23 de outubro, telefonaram e avisaram que eu não trabalhava mais na prefeitura. Era funcionária há dez anos e fui dispensada assim — contou uma enfermeira: —E o pior é que passamos o mês na campanha para a mulher do prefeito (a deputada estadual Daniele Guerreiro).

Responsáveis pela contratação dos funcionários de Mesquita, as cooperativas Coopsege e Renacoop informaram que a prefeitura tem atrasado os repasses. Segundo o diretor da Coopsege, Adriano Carvalho, 70% do valor foram pagos ontem e o restante é esperado para entrar na conta hoje.

A Prefeitura de Mesquita informou que ocorreu uma redução nos repasses de recursos dos governos federal e estadual, causando um desequilíbrio no orçamento e acarretando as demissões. O órgão não disse quantos funcionários foram demitidos.

Ainda de acordo com a prefeitura, os salários dos servidores cooperativados começaram a ser regularizados nesta semana.

Já a assessoria da deputada estadual Daniele Guerreiro disse que a informação de que funcionários da prefeitura teriam sido convocados para a sua campanha não procede.

A deputada é investigada por uso indevido dos meios de comunicação durante a campanha e só assumiu o mandato por meio de uma liminar da Justiça Eleitoral.

 


Via Jornal Extra
Por Marina Navarro Lins
Caderno Mais Baixada
30/01/2015
MESQUITA - Uma equipe da secretaria de Urbanismo, Obras e Serviços Públicos organizou, nesta quarta-feira, dia 28, um mutirão de limpeza e recolhimento de lixo e entulho nas ruas ao redor do Hospital da Mãe, no bairro Maria Cristina. Só na Rua José Bonifácio, em frente ao Campo do Chapolim, foram retirados três caminhões de lixo, entulho e móveis velhos despejados no local. Segundo o subsecretário de Serviços Públicos, Alessandro Madeira, o Pop, o local foi limpo recentemente, mas os moradores voltaram a despejar lixo na área.

“Vamos colocar cartazes advertindo sobre a proibição de jogar lixo no local e contamos com ajuda da população nesse sentido”, explicou Pop. Os próprios moradores reconhecem que a área é local de despejo. “A maioria do entulho e do lixo chega à noite de outros bairros e é deixado aqui por carroceiros”, contou a moradora da Rua Bella, Ana Maria Fernandes, 56 anos.

A operação prossegue nesta quinta-feira em outros pontos da cidade. “Recolhemos lixo e entulho de vários bairros da cidade, atendendo aos pedidos dos moradores e queixas feitas na Ouvidoria da prefeitura. Nossa meta é melhorar a qualidade de vida na cidade”, garantiu Pop.



Via PMM
29/01/2015
MESQUITA - A Guarda Civil teve atuação importante nesta quarta-feira, dia 28. Durante a madrugada, houve quedas de três postes da rede de iluminação da Avenida União, próximo ao número 1.297. Agentes interditaram a via e entraram em contato com a Light, que enviou uma equipe de emergência ao local para efetuar os reparos.

Já na parte da manhã, uma equipe prestou auxílio a um motociclista que se envolveu em um acidente com um carro na Avenida Governador Celso Peçanha, em Banco de Areia. A vítima recebeu os primeiros socorros da Guarda ainda no local para depois ser encaminhada a uma unidade de saúde.



Via PMM
29/01/2015