SÃO PAULO - Acaba de ser divulgado que o candidato a presidente Eduardo Campos (PSB) acaba de sofrer um acidente de avião, a aeronave caiu em Santos – SP na manhã dessa quarta (13 de agosto). O avião, um Cessna 560 XL, prefixo PR-AFA, deixou o aeroporto do Santos Dumont às 9h20m com destino a Santos, a bordo do avião estava a mulher e o filho do casal e alguns integrantes da comitiva, mas a candidata a vice presidente Marina Silva não estava a bordo!

O candidato do PSB estava em terceiro nas pesquisas eleitorais, ele era casado com Renata Campos, com a qual teve 5 filhos.




Local da queda de aeronave em Santos, no litoral paulista 


Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), os certificados de aeronavegabilidade e a inspeção anual de manutenção estavam em dia. A aeronave foi fabricada em 2011 e foi exposta na edição 2012 da LABACE, a feira de aviação executiva que acontece anualmente no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo.

Repercussão

A morte de Campos deixou políticos e partidários estarrecidos. A vice da chapa de Campos, Marina Silva, se dirige para Santos, assim como o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. Ao Blog da Bertha, o candidato do PSB ao governo de Minas, Tarcísio Delgado, afirmou que está "completamente traumatizado e em estado de choque".


Vídeo do local da queda



MESQUITA - TRE-RJ multou Daniele Guerreiro. Fiscais lacraram galpão da candidata.

A Justiça Eleitoral multou a candidata a deputada estadual e primeira-dama de Mesquita, Daniele Cristina Fontoura, a Daniele Guerreiro (PMDB), em R$ 6 mil. Em fevereiro deste ano, quando comandava a Secretaria de Assuntos Institucionais, a mulher do prefeito Rogelson Sanchez Fontoura, o Gelsinho Guerreiro (PSC), o Gelsinho Guerreiro, promoveu sua imagem na página oficial da prefeitura na internet e em jornais da região.

Fiscais fecham galpão na Chatuba

Não foi primeira que Daniele burlou normas da Justiça Eleitoral. Na última terça-feira, uma denúncia de uso da máquina pública levou fiscais do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) ao galpão da candidata, na avenida União, no bairro Chatuba. Segundo informações, cerca de dois mil funcionários contratados por uma empresa terceirizada e que deveriam estar prestando serviço a prefeitura, teriam sido recrutados para ajudar na campanha de Daniele.

O Ministério Público Eleitoral (MPE) poderá ajuizar ações por propaganda irregular e abuso de poder político e econômico. No local, os agentes apreenderam material de campanha que teria sido cedido pela prefeitura. De acordo com os fiscais, o órgão recebeu informações de que servidores eram pressionados a trabalhar para a candidata.

Apreensão de placas, veículos e planilhas


Os fiscais apreenderam no galpão três trios elétricos, duas kombis, centenas de placas sem tiragem, planilhas de controle de pagamento de cabos eleitorais e motoristas, 17 caixas de fogos, dez computadores, vales-combustível, que seriam do Posto JB, que fornece combustível para os veículos da prefeitura, e documentação de 64 automóveis alugados. Cerca de 60 pessoas que trabalhavam no local foram identificadas pelos fiscais para comparação dos nomes com a lista de servidores da prefeitura.



Via Jornal Hora H
Por Antônio Carlos
11/08/2014
MESQUITA - O lançamento do projeto ‘Aulas Diferenciadas nas Creches Municipais’, ontem, na Escola Municipal Dr. Ely Baiense Vailant, no Centro de Mesquita, reuniu professores e auxiliares das creches municipais. Trata-se de uma capacitação, onde os professores das creches Margarida da Silva Duarte, Nilo Dias e Herbert de Souza |(Betinho) aprendem técnicas de música, artes e dança para implantar no período da tarde nas creches que atendem crianças com idades de seis meses a três anos.

O objetivo é capacitar os professores da Educação Infantil para que estejam integrados na nova meta de que todas as atividades desenvolvidas nas creches tenham intencionalidade pedagógica, visando o desenvolvimento integral da criança em todos os seus aspectos. “A partir dessa segunda semana do mês de agosto as creches contarão com profissionais extras que vão desenvolver através de oficinas aulas de artes, música, dança e movimento, contação de histórias e até matemática”, explicou a professora coordenadora pedagógica Mônica Rocha, da creche Betinho. Inicialmente apenas a creche Nilo Dias, na Chatuba, vai implantar a matemática como atividade.

Para a implementadora da Educação Infantil da secretaria de Educação, Priscila de Souza, dar um currículo diferenciado para os professores é um primeiro passo para o aprimoramento dessa nova visão com as creches da cidade. “Os professores vão pôr em prática em sala de aula o que estão aprendendo aqui, sem falar na integração que esse tipo de atividade vem promovendo. O projeto vai ser determinante para trabalhar a psicomotricidade, a coordenação motora e o desenvolvimento geral das nossas crianças”, disse Priscila.


07/08/2014
Ariane e Igor foram grampeados com dois menores: bandidos obrigaram vítima a fornecer senha de cartão
MESQUITA - Já está atrás das grades, uma quadrilha apontada pela polícia como responsável pelo sequestro da mulher de um delegado na última sexta-feira. Dos quatro integrantes, dois são adolescentes, de 15 e 17 anos, e dos quais, uma mulher. Os outros bandidos foram identificados como Ariane Freitas Antônio e Igor Alves Barbosa da Silva, ambos de 18.

A vítima contou aos agentes da 53ª DP (Mesquita) que, por volta das 11h30, estacionou o carro, uma Hilux, para buscar seu filho em um no colégio na avenida Abílio Augusto Távora (Estrada de Madureira) quando foi abordada pelo grupo que ordenou que ela retornasse para o carro e seguisse para a comunidade da Chatuba, em Mesquita.

No local, a mulher foi espancada pela menor de 15 anos, que ficou com irritada porque a vítima se mostrou muito calma, e também pelo fato da primeira tentativa frustrada de sacar dinheiro em um caixa eletrônico de farmácia.

Ela relatou que ficou em poder dos ladrões por cerca de 3 horas, e foi obrigada a fornecer senhas de cartões sob ameaça de agressão. Os bandidos rodaram com a refém por várias regiões de Mesquita. Após momentos de terror, a mulher foi libertada na divisa de Mesquita com Nilópolis. O veículo foi achado por volta das 17h na favela da Chatuba.


Via Jornal Hora H
Por Antônio Carlos
06/08/2014




MESQUITA  - Professores da rede participam do Programa Estrada para a Cidadania - Investindo nas crianças.

A Prefeitura de Mesquita, em parceria com a Concessionária CCR NovaDutra, realizou nesta terça-feira, 5 de agosto, na Escola Municipal Dr. Ely Baiense Vailante, a formação de professores do 4º e 5º ano da rede. O tema foi Educação no Trânsito e Meio Ambiente. O evento foi desenvolvido pela secretaria municipal de Educação (Semed).

De acordo com a coordenadora do Programa Estrada para Cidadania, Ariane Teles, o objetivo do encontro é inserir a educação para o trânsito e a preocupação com meio ambiente em diversas disciplinas. “Tudo que trabalhamos com os professores na formação, eles desenvolvem com os alunos em salas de aula”, afirma Ariane. O foco da Concessionária é atingir os alunos das redes municipais, do Ensino Fundamental, na faixa etária entre 8 e 11 anos de idade.

Através de materiais didáticos oferecidos pelo programa às escolas da rede, os alunos passam a entender mais sobre a conservação do meio ambiente, a qualidade de vida, preocupação com a poluição, saúde e sobre a segurança no trânsito. Durante o encontro, os professores participaram de dinâmicas e assistiram a vídeos. “O material que recebemos é bem interessante e os alunos adoram. Trabalhamos com os livros cedidos pela CCR em paralelo com os que são oferecidos pela Semed”, disse o professor Rafael Avoglio, da escola Professor Quirino.


Via PMM
06/08/2014
MESQUITA - O CadÚnico dá acesso a programas sociais oferecidos pelo governo.

Famílias beneficiárias dos programas sociais oferecidos pelo governo estão sendo recadastradas desde o último dia 28 de julho em vários pontos de Mesquita. Nesta terça-feira, dia 5 de agosto, a ação conjunta das secretarias municipais de Assistência Social e Educação prosseguiu com o chamado CadÚnico na Escola Municipal Presidente Castelo Branco, no bairro Rocha Sobrinho (BNH), onde o serviço será oferecido até amanhã, quarta-feira, dia 6, sempre das 9h às 16h.

Ao disponibilizar postos itinerantes de recadastramento, a Prefeitura de Mesquita visa facilitar o deslocamento dos moradores que precisam atualizar seus dados ou que desejam se cadastrar para obter o benefício. A ação prossegue até o dia 3 de setembro. “Semana que vem, dias 12 e 13 de agosto, o serviço será oferecido na Escola Municipal Ernesto Che Guevara, na Chatuba, dias 19 e 20, vamos estar na Escola Municipal Roberto Silveira, em Edson Passos. Dias 26 e 27, na Escola Américo dos Santos, em Banco de Areia e nos dias 2 e 3 de setembro, vamos finalizar com atendimento no Ciep Padre Nino Miraldi, em Jacutinga”, disse a agente administrativa Rosilaine Castilho, que trabalha no setor de Transferência e Renda, na Secretaria de Assistência Social.

É bom ressaltar que quem não fizer o recadastramento pode perder o benefício. O diretor do Departamento de Programas de Transferência de Renda, Marcelo Lima, explicou que o cadastramento único dá acesso a diversos programas do governo federal além do Bolsa Família, como Tarifa Social de Energia Elétrica, Telefone Popular, isenção de taxas em concursos públicos, carteira de idoso, passe livre e Pronatec. Para realizar o recadastramento é necessário levar identidade, CPF, certidão de nascimento, cartão de vacina, declaração escolar e comprovante de residência.


Via PMM
06/08/2014
MESQUITA - A Prefeitura de Mesquita teve a proposta de participação do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), na modalidade Compra Direta da Agricultura Familiar aprovada pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome (MDS). 

Segundo informações, esta modalidade denomina beneficiários fornecedores para atender demandas de alimentos para populações em condição de insegurança alimentar. O público atendido faz parte das entidades socioassistenciais municipais inscritas no Conselho Municipal de Assistência Social, chamadas de unidades recebedoras. 

Este é quinto ano consecutivo que o município participa do Programa, que beneficia 21 agricultores locais, que passam a ser fornecedores. De acordo com o Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional do Estado do Rio de Janeiro, Mesquita é o município do Estado com o maior número de programas de Segurança Alimentar e Nutricional implementados.


06/08/2014
Funcionário não identificado agrediu cinegrafista
MESQUITA - Enquanto os fiscais da Justiça Eleitoral permaneciam no galpão, seguranças e funcionários da candidata protagonivam cenas revoltantes. Furiosos, os brutamontes mostraram falta de civilidade ao mostrar o dedo médio para a equipe de reportagem do Fala Baixada, da CNT. 

Carro de reportagem teve o parachoque quebrado
Depois de xingarem os profissionais com palavras de baixo calão e os ameaçar, partiram para o ataque. Um dos seguraças agrediu com um soco o cinegrafista Luiz Alberto Gomes da Silva e quebrou uma câmera digital nova. Atordoado, Luiz foi levado para o Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI) onde realizou exames. O repórter Odilon Correia também recebeu ameaças enquanto tentava fazer a cobertura. O carro da equipe foi esvaziado pelos vândalos, uma covardia contra a liberdade de imprensa, que só aqueles com falta de bom senso são capazes de praticar tal ato.


Via Jornal Hora H
Por Antônio Carlos
06/08/2014
Denúncia anônima aponta uso da máquina pública pela primeira-dama
MESQUITA - O galpão da primeirma de Mesquita, candidata a deputada estadual Daniele Cristina Fontoura, a Daniele Guerreiro (PMDB), foi fechado pela fiscalização do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE- -RJ)
Fiscal da Justiça Eleitoral fecha galpão da
campanha de Daniele Guerreiro, na Chatuba
na manhã de ontem, na avenida União, na Chatuba, em Mesquita. As equipes apreenderam materiais de campanha que teriam sido cedidos pela prefeitura. De acordo com os fiscais, o órgão recebeu informações de que servidores eram pressionados a participar da campanha da mulher do prefeito Rogelson Sanchez Fontoura, o Gelsinho Guerreiro (PSC). Ainda segundo uma denúncia anônima, cerca de dois mil funcionários contratados por uma empresa terceirizada e que deveriam estar prestando serviço a Prefeitura, teriam sido recrutados para ajudar na campanha. O Ministério Público Eleitoral (MPE) poderá ajuizar ações por propaganda irregular e abuso de poder político e econômico.

Até trios elétricos apreendidos

Os fiscais apreenderam no galpão três trios elétricos, duas kombis, centenas de placas sem tiragem, planilhas de controle de pagamento de cabos eleitorais e motoristas, 17 caixas de fogos, dez computadores, vales-combustível, que seriam do Posto JB, que fornece combustível para os veículos da prefeitura, e documentação de 64 automóveis alugados. Cerca de 60 pessoas que trabalhavam no local foram identificadas pelos fiscais para comparação dos nomes com a lista de servidores da prefeitura.




Via Jornal Hora H
Por Antônio Carlos
06/08/2014
MESQUITA - “A grandeza de uma nação pode ser julgada pelo modo que seus animais são tratados.” Mahatma Gandhi. Diariamente, muitos animais são retirados das ruas por pessoas se dedicam em tempo integral para cuidarem da proteção deles. Embora ainda existam muitos outros a espera de anjos como Denise de Moura, de 31 anos, moradora de Mesquita, que adotou, através do projeto “Melhor Amigo do Homem”, da Prefeitura de Mesquita, uma cadelinha de dois anos que não possui a pata dianteira direita.
Para a mesquitense, adotar a cadela Pipoca foi a saída encontrada para preencher o vazio da perda de sua outra cachorrinha. Segundo ela, há três meses ela estava procurando em sites de adoção um cão, quando encontrou a foto de Pipoca em uma rede social. “Eu estava muito mal por ter perdido por ter perdido minha cachorrinha, que morreu de câncer. Quando me recuperei da perda, resolvi adotar outro cão. Procurando em diversos sites, encontrei uma foto da Pipoca no Facebook e me apaixonei. Foi amor à primeira vista. Fiquei muito preocupada com a adaptação dela em casa, porque eu nunca adotei nenhum animal crescido antes. Mas com a Pipoca eu não tive problemas, só solução. Ela é um doce”, desabafa Denise.
Segundo Denise, sua rotina mudou drasticamente com a chegada de Pipoca. Como a cadela perdeu recentemente a pata dianteira direita, seu processo de adequação a nova casa foi demorado. Por causa de suas limitações, ela encontrava dificuldades em acessar determinados cômodos. Por isso, a família fez algumas adaptações na casa para facilitar a mobilidade de Pipoca. “Tivemos que tirar todos os tapetes da casa e mudar alguns móveis de posição, porque ela é muito estabanada. Mas, por sorte, Pipoca é muito esperta e independente. Superou com muita rapidez sua deficiência. O problema é andar com ela na rua, porque os ignorantes não entendem que ela é normal. Eu vivo distribuindo foras por causa disso.”
Ainda segundo ela, seus dois gatos, Leon, resgatado em outubro de 2013, e Frajola, encontrado em março desse ano, foram retirados das ruas em situações de extremo abandono. Ela comenta que Leon estava bem debilitado por algum tipo de agressão sofrida. Sua cauda quebrada e o nariz sangrando. Como estava chovendo, o animal estava encolhido embaixo de uma marquise sem qualquer proteção. “Eu estava voltando do trabalho e chovia demais. Quando desci do ônibus me deparei com aquela situação, ele ensopado e todo machucado. Enrolei um saco plástico nele e o enfiei em meu casaco. Ele me deu muito trabalho, porque estava muito machucado e infestado de parasitas. E sua calda tinha sido quebrada recentemente. Mas hoje ele é outro. Tem a personalidade muito forte e não topa muita a Pipoca e o Frajola, mas eu não vivo sem ele.” 

Amor animal

Atualmente, algumas pessoas abrem mão de suas carreiras para seguirem um sonho. Como o caso da protetora independente, Raquel Figueira, de 22 anos, que largou seu curso de técnica em química para arriscar tudo em sua carreira de fotógrafa. E dessa forma, ela pode garantir tempo para seu sonho de proteger animais abandonados. “Quando deixei para trás seis anos de curso, fui muito criticada por parentes e amigos. Hoje eu posso ver o quanto sou feliz por estar fazendo o que eu realmente sei fazer.”
De acordo com Raquel, após seu primeiro resgate, mais de 200 animais foram recolhidos, castrados e doados através de divulgações e redes sociais. “Eu comecei quando achei um gatinho abandonado, foi meu primeiro resgate. Ele estava sendo maltratado por pessoas e tinha pânico de gente. Acabei ficando com mais um, depois me uni a uma amiga protetora e sempre quando algum animalzinho precisava, nós resgatávamos. E a partir daí, levamos na clinica, castramos e encaminhamos para a adoção”, explica a protetora.
Segundo a fotógrafa, sua meta agora é arrecadar fundos para ajudar a idosa, Maria Cristina, de 50 anos, moradora da Palhada, em Nova Iguaçu, que divide o pão que come com seus oito cães. A mulher foi abandonada por seu marido, que levou tudo que tinha, após descobrir que ele tinha relacionamentos extra-conjugais. “Ele a abandonou e levou tudo, ela tem que sustentar, sozinha, oito cães e divide arroz e feijão com eles. É o que eles comem todo dia. O cachorro que ela resgatou tem que fazer quimioterapia sempre e quem está bancando sozinha é a Acácia. Nosso coração se partiu quando vimos a veterinária doando um pouco de ração e o cachorro comendo desesperadamente. É de partir o coração. Ela está em total depressão, mas mesmo assim topa qualquer faxina. Ela é tão humilde que me pediu só R$ 2 para comprar pão para os cachorros.”

Projeto “Melhor Amigo do Homem”
A prefeitura de Mesquita mantém um projeto oficial que atua, semanalmente, nas ruas do município recolhendo os animais e levando-os para um sítio onde recebem os tratamentos necessários de acordo com o estado que se encontram. Além de serem são castrados, vacinados e, em seguida, entregues para adoção. 
O projeto visa diminuir o número de cães e gatos que circulam pelas ruas da cidade, e, assim, evitar que acidentes envolvendo animais e veículos ocorram. De acordo com a proposta do trabalho exercido pelos protetores, na primeira fase, somente os cães de rua serão tratados. Após concluírem a tarefa nas ruas, animais de cuidadores também vão ser atendidos pelo projeto. 
Desde dezembro de 2013, quando o projeto foi implantado na prefeitura, 85 cães e 10 gatos foram recolhidos pelos profissionais e 11 deles foram adotados. Sendo sete cães, incluindo Pipoca, e quatro gatos.


Via Jornal de Hoje
Por Marcelle Bappersi