NOVA IGUAÇU / MESQUITA - Pacientes balançavam paninhos e papéis na tentativa de conseguir um mísero vento na sala principal da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Botafogo, em Nova Iguaçu. A falta de ar-condicionado em algumas áreas e a superlotação obrigavam os pacientes a esperar por atendimento até do lado de fora.

— Está um calor infernal. Estou com dor no estômago e não tenho como ir embora. Sentei nos degraus pois estava quase desmaiando lá dentro — reclamou a comerciante Camila Luiza, de 26 anos.

Com a filha chorando nos braços, uma mãe abriu a porta da sala de eletrocardiograma e um vento gelado saiu. Enquanto isso, um funcionário passou pelo corredor com a camisa encharcada de suor. Segundo outro funcionário, o ar pifou há dois anos.

— Infelizmente não tenho poder para consertar isso. Já reclamei e fiz pedidos, mas preciso esperar o governo atuar — comentou ele, que preferiu não ser identificado: — A nossa situação fica pior, pois pegamos um fluxo grande de pacientes do Hospital da Posse. Atendemos cerca de 800 pessoas por dia. Isso deveria ser feito em um hospital de grande porte.

Na unidade de Edson Passos, em Mesquita, a história se repete. Carla Melo, de 38 anos, chegou com pressão alta e esperava atendimento há mais de quatro horas:

— A enfermeira falou que meu caso era leve. Eles dizem que é proibido instalar ventiladores, mas é obrigatório ter ar-condicionado, e não tem. Engraçado que nos consultórios o ventinho é de congelar.

A Secretaria estadual de Saúde informou que nas duas unidades o sistema de arcondicionado está funcionando parcialmente e, por isso, em alguns momentos, não há vazão necessária. O órgão também garantiu que uma equipe de manutenção está tentando solucionar o problema nos dois locais. A secretaria nega que 800 pessoas sejam atendidas na UPA de Botafogo: diz que a média diária é de 363 pacientes.


Via Jornal Extra
Caderno Mais Baixada
MESQUITA - Em virtude dos feriados de Tiradentes, 21 de abril, e de São Jorge, dia 23, a prefeitura decretou ponto facultativo nas repartições municipais na próxima quarta-feira, dia 22, e sexta-feira, 24. A intenção do governo é reduzir as despesas públicas. Porém, o expediente será normal nos setores onde as atividades não podem ser suspensas por exigências técnicas ou motivo de interesse público. Confira abaixo o funcionamento dos principais serviços neste feriadão:

Saúde

Os postos de saúde não irão funcionar. Os atendimentos voltam ao normal na segunda-feira, dia 27. Nos feriados e pontos facultativos os atendimentos emergenciais médicos 24 horas serão realizados na Unidade de Saúde de Urgência e Emergência Dr. Mário Bento, localizado na Rua Barão do Rio Branco, s/nº, Jacutinga. Telefone: 3765-1790 ou 2792-6219.

Coleta de lixo

A coleta de lixo domiciliar funcionará normalmente neste período de feriadão. Com isso, os bairros que recebem o caminhão coletor nestes dias serão atendidos regularmente.

Defesa Civil

A secretaria Municipal de Meio Ambiente e Defesa Civil informa que equipes vão estar de plantão durante todo o recesso. Notificações pelo telefone 199 ou 2696-2391.


Via PMM
23/04/2015
MESQUITA - Agentes do setor de Controle de Vetores da secretaria de Saúde de Mesquita, realizaram nesta segunda-feira, dia 20, mais uma ação de combate aos roedores e ao mosquito transmissor da dengue. O local escolhido desta vez foi a Unidade de Pronto Atendimento 24h (UPA) do Bairro Edson Passos. Os agentes colocaram iscas para ratos no pátio da UPA, nos arredores e na Escola Municipal Roberto Silveira, que fica na Avenida Presidente Castelo Branco.

Os agentes também aplicaram pedras parafinadas e iscas para ratos nos bueiros dos arredores da unidade e do colégio e visitaram imóveis em todo o quarteirão. A ação, que contou com a participação de 15 agentes de combate a roedores e dois da dengue, incluiu técnicas de combate ao mosquito Aedes aegypti adulto.

“Estamos com os chamados costais de prevenção, uma máquina que os agentes penduram nas costas para pulverizar a área e exterminar os mosquitos”, explicou o chefe do controle de Roedores, Flávio Perrota.

A desratização dos arredores da UPA é continuidade do trabalho iniciado nos estádios de futebol e campos esportivos da cidade e que também já passou pelas margens de vários rios e canais. “Estamos prosseguindo com a ação de combater os roedores, num trabalho conjunto com a equipe de combate ao mosquito”, disse Perrota.


Via PMM
23/04/2015
MESQUITA - A prefeitura promoverá, entre os dias 27 e 30 de abril, a Semana Municipal de Conscientização da Luta dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Com o lema ‘Somos todos Iguais na Diferença’, a secretaria de Defesa das Pessoas com Deficiência e Idosos irá realizar ações que terão como objetivo chamar a atenção da sociedade civil para a importância da inclusão social das pessoas com deficiência.

A abertura oficial será com o lançamento, às 10h, no auditório do Fórum, do Programa Municipal de Acessibilidade Mesquita Acessível, que visa garantir acessibilidade e mobilidade urbana nas calçadas do município, por meio de parceria entre o poder público e o setor privado. Durante a Semana também estão previstas palestras, ações externas de conscientização e fiscalização de estabelecimentos comerciais e meios de transporte. Todos os eventos são abertos ao público em geral. Confira a agenda:

Dia 27

10h- Lançamento do Programa Municipal de Acessibilidade Mesquita Acessível – auditório do Fórum (Rua Paraná, s/n, Centro);

15h- palestra de Tecnologia Assistiva com Bruna Simãozinho (coordenadora do Instituto Mundo Novo e pós – graduada em Acessibilidade Cultural e Terapia de Família) – auditório da Escola Municipal Maria Izabel (Rua Elpídio, 132 – Cruzeiro do Sul);

Dia 28

6h – ‘Esta vaga não é sua nem por um minuto’, ação de conscientização, na Praça do centro de Edson Passos, sobre o mau uso das vagas destinadas à pessoa com deficiência;

10h – Ação com encenação teatral na faixa de pedestre, na esquina da Rua Mister Watkins com a Rua José Montes Paixão, no Centro de Mesquita;

15h – Conscientização e fiscalização da equipe da SEMDPDI, juntamente com a Guarda Civil, para falar sobre a desobstrução das calçadas pelos lojistas e da importância do espaço físico das lojas adequado para pessoas com qualquer tipo de deficiência, no Centro;

Dia 29

11h – A equipe da SEMDPDI, com o apoio da secretaria de Segurança, Trânsito, Transporte e Ordem Pública, vai fiscalizar e testar os elevadores e cintos de seguranças dos ônibus que circulam na cidade – Avenida União (em frente ao Hospital São José)

14h – Palestra com Solyana Coelho, de 16 anos, que nasceu sem os braços, não anda e hoje é estudante de Psicologia e palestrante motivacional – auditório da Escola Municipal Governador Roberto Silveira (Praça Darcy Ribeiro, s/n, Centro de Edson Passos)

15h30 – Apresentação de esportes paralímpicos: handebol e rúgbi, no ginásio da E. M. Governador Roberto Silveira;

Dia 30

10h - Lançamento do Programa Cine Inclusão, no Auditório Zelito Viana, na sede da prefeitura (Rua Arthur de Oliveira Vecchi, 120, Centro).


Via PMM
23/02/2015
MESQUITA - Nesta semana, a prefeitura, representada pela coordenadora de Articulação e Mobilização Governamental, Elizete Barroso, levou o projeto do primeiro Curso de Árbitras de Futebol da Baixada Fluminense ao conhecimento da coordenadora-geral de Direitos do Trabalho da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM/PR), Beatriz Gregory. O diretor da Escola de Arbitragem da Federação de Futebol do Rio de Janeiro, Carlos Elias Pimentel, também participou do encontro.

O curso na cidade da Baixada terá início no segundo semestre deste ano, com o objetivo de estimular a prática de esportes de forma igualitária com os homens e a profissionalização do sexo feminino na arbitragem. “A ideia é formar mulheres para atuação no futebol do Estado do Rio de Janeiro, com possibilidade de ascensão para nível nacional e internacional”, destacou Elizete, acrescentando que a expectativa é inspirar e estimular outras localidades a realizar formação semelhante.

Com a chegada do curso de arbitragem feminina, o município de Mesquita pretende cumprir integralmente alguns dos planos de ações do Pacto da secretaria Nacional de Políticas para Mulheres. A iniciativa também visa promover a autonomia econômica e financeira das mulheres e ampliar o acesso delas ao mercado de trabalho.


Via PMM
20-04-2015
MESQUITA - Na quinta-feira, 16 de abril, a secretaria de Governo de Mesquita, representada pelos coordenadores de Diversidade Sexual Manoel Ferreira (Neno) e Marisa Justino, participou de reunião na sede da 59ª Delegacia de Polícia (Duque de Caxias) com o superintendente de Direitos Individuais, Coletivos e Difusos e coordenador do Programa Estadual Rio Sem Homofobia, Cláudio Nascimento.

Em pauta, o acompanhamento dos homicídios ocorridos na Baixada entre 2011 e 2015 que têm como motivo presumido a homofobia. Durante a reunião, foi informado o andamento dos inquéritos policiais. Também está previsto o levantamento de todos os casos de homicídio e tentativa de homicídio na região com motivos homofóbicos.

O delegado Ricardo Domingues, diretor do Departamento Geral de Polícia da Baixada (DGPB), estabeleceu o prazo de um mês para que os órgãos competentes deem respostas satisfatórias à sociedade e aos familiares das vítimas sobre os casos já em andamento nas delegacias locais.

Também participaram do encontro os delegados Fábio Cardoso, da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense – DHBF; Juliana Amorim (59ªDP), Jorge Zahra (56ª DP), Bruno Menezes (54ªDP), José Rezende (Diretor do 3º DPA) e Matheus de Almeida Romaneli (53ª DP).


Via PMM
20-04-2015
MESQUITA - A prefeitura convoca Bruno da Silva Gonçalves e Nádia Moreira Ferreira, aprovados no concurso de Edital nº03/2012, para o cargo de técnico em Contabilidade. A perícia médica será realizada no dia 4 de maio, às 11h, no Hospital Municipal Engenheiro Leonel Brizola (Antigo Hospital São José), que fica na Avenida União, 673, Centro.

No dia marcado, devem ser apresentados os seguintes exames: hemograma completo; VDRL (sífilis); fezes (EPF); urina (AES); glicose; radiografias do tórax e da coluna Lombo-Sacra com laudo; ECG com laudo e parecer cardiológico; e avaliação oftalmológica.

Para tomar posse, os candidatos devem se apresentar à secretaria de Administração, munidos de RG; CPF; comprovante de residência; cartão do PIS/Pasep; título de eleitor; comprovante de votação; certidão de nascimento ou casamento; certidão de nascimento dos dependentes; caderneta de vacinação dos dependentes menores de 14 anos; comprovante de escolaridade de acordo com o edital; duas fotos 3×4; certificado de alistamento militar (homem); e cópia da declaração de IRPF (último exercício).

Também é necessário apresentar a certidão negativa de Feitos Criminais dos 1º, 2º, 3º e 4º Ofícios de distribuição do Estado do Rio de Janeiro; ou do município onde reside; ASO (emitido pela perícia municipal); e demais documentos, se necessários, solicitados no Edital de convocação do candidato.


Via PMM
20-04-2015
Eduardo Viana mostra o lixo acumulado
na porta de casa, na Rua Marte
MESQUITA - Sujeira tomou conta das ruas. Prefeitura diz que foi devido a quebra de dois caminhões.

Lixos transbordando pelas caçambas, espalhados pelas ruas e acumulados aos montes na frente das casas. Além disso, proliferação de ratos e baratas. Sem coleta regular há alguns meses, este é o triste cenário em boa parte das ruas de Mesquita. Segundo os moradores, a situação piorou desde que a empresa Inova Ambiental, responsável pela a coleta na cidade, paralisou os serviços, no início da semana passada por falta de pagamento. A prefeitura afirma, no entanto, que os serviços não foram paralisados e que o acúmulo do lixo aconteceu devido a quebra de dois caminhões, mas que o problema já foi resolvido.

No último domingo, a Rua Lídia, na Chatuba, e vias dos bairros Vila Emil, Cosmorama e Edson Passos ficaram tomadas por sacos de lixo. Após denúncias pelas redes sociais, a prefeitura recolheu o montante. Morador da Rua Marte, no Centro, o design gráfico Eduardo Viana, de 33 anos, afirmou que a coleta de lixo está irregular no município já há algum tempo. Segundo ele, o serviço era feito três vezes por semana, mas de três meses para cá os caminhões passam pelo local somente às terças-feiras.

“Ratos e baratas estão surgindo para todos os lados, além do mau cheiro. Se não dão conta de um serviço básico, imagine do resto”, questionou Viana.

Em Santo Elias, a coleta está sendo feita somente nas ruas principais e uma vez por semana. É o que afirma a moradora da Rua Macário, a costureira Renata França, de 33 anos. “Os caminhões de lixo passam pela ruas Nestor, Josefina e Cesário, que são as principais. Já nas ruas transversais, como a minha, não estão coletando”, afirma. 

Por nota, a Prefeitura de Mesquita informou que não houve paralisação dos serviços de coleta de lixo. Segundo o órgão, “dois caminhões de coleta quebraram, ocasionando problemas de atendimento em algumas rotas e o consequente acúmulo de lixo”. A prefeitura afirmou que “os veículos já estão funcionando e atuando com especial atenção nos pontos críticos desde o início da semana e que em poucos dias o serviço será normalizado”. 

O contrato da coleta de lixo foi assinado em janeiro de 2013 pelo prefeito Gelsinho Guerreiro no valor de R$ 1.250.448,11 por mês. Procurada pelo O DiA, a empresa Inova Ambiental não retornou às ligações, nem respondeu aos e-mails até o fechamento desta edição.


Via O Dia
20-04-2015
MESQUITA - O Projeto Ciência Móvel da Fiocruz estará até o dia 18 de abril na E. M. Governador Roberto Silveira, em Edson Passos, com o seu museu itinerante. Alunos de várias unidades da rede, além da população, visitaram o primeiro dia de exposição. O evento é oferecido gratuitamente pela Prefeitura de Mesquita, por meio da secretaria de Educação, Cultura, Turismo, Esporte e Lazer (SEMECTEL).

O Museu Itinerante é transportado por um caminhão que, após a montagem da exposição, é transformado em uma moderna sala para vídeos, minicursos, oficinas e palestras. Para o melhor aproveitamento das atividades oferecidas, o público conta com o auxílio de mediadores experientes. Estudantes e professores que compareceram ao evento ficaram satisfeitos com tudo que viram. “Acho essa atividade muito interessante, porque rompe os limites das salas de aulas. Aqui os alunos podem ampliar os seus horizontes e despertar ainda mais o interesse pela ciência”, disse a professora de Ciência, Roberta Mota, da E.M Rotariano Arthur Silva.

O projeto itinerante, que leva exposições, jogos, equipamentos, multimídias, oficinas e outras atividades para municípios da região Sudeste do Brasil, está no quarto ano consecutivo em Mesquita. Além de promover a divulgação científica e da saúde, o museu busca aproximar a ciência do cotidiano dos visitantes, oferecendo um espaço de descoberta, reflexão e encantamento pela ciência e pela tecnologia, por meio de atividades interativas.


Via PMM
16-04-2015
MESQUITA - Profissionais de rede municipal de saúde estiveram reunidos na sede da prefeitura nesta quarta-feira, dia 15. A intenção foi debater ações em conjunto para ampliar a prestação de apoio aos colaboradores da prefeitura. Participaram do encontro integrantes dos Centros de Atendimento Psicossocial (Caps) e do Setor de Saúde do Trabalhador.

Mesmo os prestadores de serviços terceirizados recebem atenção caso seja necessário. “É prestado o primeiro atendimento e de acordo com o caso, encaminhamos ao setor especializado”, disse Jorge Magalhães, do setor de Saúde do Trabalhador, ressaltando a importância de todos os profissionais estarem em plenas condições de saúde para o exercício das funções.

Servidores do município que desejarem atendimento podem procurar o Setor de Saúde do Trabalhador, que funciona de segunda a sexta-feira, entre 9h e 16h30, na Rua Dom Jaime Câmara, 170, Santa Terezinha. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3589-6268.


Via PMM
16-04-2015